Diocese de Jundiaí realizou a III Caminhada dos Mártires

Por em 13 de julho de 2014
Jornal de Itupeva

A Diocese de Jundiaí realizou na cidade de Cajamar/SP, a terceira edição da Caminhada dos Mártires, que teve como tema: “Salvação Teológica é Salvação Ecológica”. O evento foi promovido pela Pastoral Fé e Política com apoio do Fórum das Pastorais Sociais da Diocese.

A Caminhada aconteceu no dia 9 de julho e por esse motivo, o pároco da paróquia Nossa Senhora da Alegria, do Distrito do Polvilho – padre Daniel dos Santos Rosa, acolheu os agentes de pastorais e movimentos da igreja e sociais, de 9 das 11 paróquias da diocese.

Ela teve início às 9h, com a animação da equipe de cânticos da paróquia, coordenada pelo padre José Renilton Fontes. Durante a o percurso foram feitas 6 paradas para reflexão: Políticas Sociais, Meio Ambiente, Saúde, Educação e Discriminação e Tráfico Humano.

Após cada reflexão era anunciado os nomes dos mártires com reverência pelos participantes, inclusive foi lembrado o cristão militante das causas sociais, Plínio de Arruda Sampaio, falecido no dia anterior. A parada final foi no ginásio de esportes.

Ali teve a celebração eucarística presidida pelo padre Leandro Megeto – coordenador diocesano da Ação Evangelizadora (representando o bispo Dom Vicente Costa), e concelebrada pelo pároco Daniel, e padres José Roberto de Oliveira e José Renilton Fontes, diáconos permanentes, seminaristas e ministros da eucaristia e acólitos.

Em sua exortação sobre a Caminhada, o padre Leandro disse: “Este tema, Salvação Teológica é Salvação Ecológica, não deve ser ignorado pelos cristãos. Somos responsáveis por nossa salvação e igualmente responsáveis pela natureza que Deus criou e deixou para cuidarmos”.

No final da celebração o coordenador diocesano da Pastoral Fé e Política, Claudio Nascimento agradeceu ao pároco e pastorais local, pelo acolhimento e organização do evento, bem como as autoridades presente – deputados estadual e federal, vereadores das cidades da área diocese, polícia militar, guarda municipal e departamento de trânsito.

“A caminhada é ir em busca de metas. Significa mover-se para ajudar muitos outros a moverem-se no sentido de, tudo fazer, para criar um mundo mais justo e humano” (Dom Helder Câmara).

Reinaldo Oliveira