Escoteiros de Itupeva visitam radiopatrulha e bombeiros

Por em 29 de maio de 2015
Jornal de Itupeva

Palestras, simulações e atividades práticas marcaram o sábado de 30 crianças e jovens de Itupeva

No último sábado (23), 30 jovens, entre lobinhos e escoteiros do Grupo Escoteiro Itupeva (GE 276) visitaram a Base da Radiopatrulha Aérea da Polícia Militar e o 7º Grupamento de Bombeiros PB Jardim do Lago, em Campinas (SP). Foi um dia diferente, de muito aprendizado, conhecimento e, claro, diversão.
Pela manhã, oficiais do Grupamento de Bombeiros ministraram palestras aos jovens de Itupeva, reforçando junto a eles a importância de agir sempre de maneira responsável e cuidadosa em ocasiões e atividades que possam oferecer algum tipo de risco à sua integridade física e à de outros no entorno. Além disso, lembraram os números de emergência que deve ser discados em cada tipo de situação com as quais eles possam se deparar. Depois, simularam ocorrências de resgate, inserindo lobinhos e escoteiros nas situações simuladas.
No meio das palestras, os bombeiros de 7º grupamento foram acionados para ocorrência reais na cidade de Campinas, e os jovens puderam ver, na prática, todo o preparo dos profissionais e a agilidade que precisam ter – e têm – para salvar vidas. “Esta foi uma experiência incrível para os nossos jovens. Entre outras coisas, eles aprenderam como fazer uma massagem cardíaca em alguém – e que isso pode sim salvar uma vida – e entenderam a importância de ter seriedade em brincadeiras que, em princípio, parecem inofensivas, como passar um trote”, diz Eliana Izzo, presidente do Grupo Escoteiro Itupeva.
À tarde foi hora de visitar a Base de Radiopatrulha Aérea. Ali os escoteiros e lobinhos assistiram a alguns vídeos que mostraram o que é o trabalho dessa divisão da Polícia Militar do Estado de São Paulo e em quais situações ela é acionada. “É importante promover atividades deste tipo, que apresentam aos jovens a realidade de profissões e atividades em torno das quais se cria uma série de mitos”, diz Elaine Beppler, chefe dos escoteiros do GE Itupeva.
Depois, um cabo da base aérea apresentou aos jovens itupevenses cada um dos equipamentos utilizados em suas missões. “Os jovens viram a aplicação dos equipamentos – desde mosquetões até o chamado “Bambi Bucket”, utilizado pelos helicópteros águia em missões de combate a incêndios, e o cesto para resgate de pessoas”, lembra Mônica Ivane, chefe dos lobinhos do GE 276.
Para finalizar o dia de aprendizados e novos conhecimentos, as crianças, jovens e escotistas do Grupo Escoteiro Itupeva puderam entrar em dois helicópteros águia da PM – um utilizado em missões de salvamento e outro em perseguições.
“Tenho certeza que, além de aprenderem muito, nossos jovens se divertiram à beça. No fim das contas, puderam não apenas conhecer o valor de profissionais como os bombeiros e os policiais, como também entender a importância de ações responsáveis e do trabalho em equipe”, disse Eliana. “Quero aproveitar para agradecer aqui aos profissionais de Campinas pela receptividade, atenção e tempo dedicados ao nosso grupo.”
 

Grupo Escoteiro Itupeva

O Grupo Escoteiro Itupeva é reconhecido junto à UEB – União dos Escoteiros do Brasil – e oferece a prática do escotismo para crianças e jovens de ambos os sexos, a partir de 6,5 anos. É uma organização não governamental, civil, de fins filantrópicos e de interesse público atuando na formação de jovens como instituição de educação extra escolar, que exerce papel ativo na formação de melhores cidadãos e no auxílio à comunidade itupevense. Suas atividades são desenvolvidas na Escola Municipal de Ensino Fundamental “Professora Thereza Angelina Lourençon”, localizada na rua Felício Falco, nº 145 na Vila São João, onde mantém reuniões nas manhãs de sábados.