Cejusc fez mais de 800 procedimentos em Itupeva

Por em 9 de agosto de 2017
Cejusc fez mais de 800 procedimentos em Itupeva

Desde o dia 28 de março deste ano, Itupeva passou a contar com os serviços do Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc). A unidade é especializada em atendimento gratuito à população por meio de mediadores voluntários treinados e capacitados. O objetivo é buscar soluções para conflitos judiciais em sessões de conciliação e mediação. Até julho, foram 833 procedimentos realizados no município.

O Cejusc funciona no Fórum de Itupeva, localizado na Av. Brasil, 572, no Jardim Primavera. O telefone é 4593-2473 e o horário de funcionamento é das 12h30 às 17h.

“Trata-se de um serviço em que o cidadão procura a solução de casos antes que se tornem ações judiciais, pelo diálogo e contando com a assessoria de profissionais treinados, sem demora e sem custos”, afirmou o prefeito Marcão Marchi.

A abrangência do Cejusc envolve ações na área cível e de família: pedidos de pensão alimentícia, guarda de menores, divórcio, partilha de bens, acidentes de trânsito, questões de vizinhança, dívidas com pessoas jurídicas, questões relacionadas a concessionárias de água, luz e telefone, questões relacionadas à prestação de serviços, condomínios, questões sobre o direito do consumidor e tantas outras.

A coordenadora do Cejusc é a juíza do Fórum de Itupeva, Renata Aparecida de Oliveira Milani. A supervisão é de Amadeu Luz, servidor do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo.

Segundo Amadeu, as pessoas devem procurar o Centro Judiciário. “A população ainda desconhece a existência deste serviço no município, que foi criado para facilitar a vida dos moradores. Agora não há mais necessidade de se deslocar para Jundiaí, que gerava enormes gastos de tempo e dinheiro”.

Ainda conforme explicou Amadeu, a Prefeitura dá apoio às ações do Centro Judiciário desde a implantação, disponibilizando o espaço para funcionamento e também servidores devidamente capacitados em cursos especializados para realizar a mediação.

“A mediação é o caminho moderno para a solução de conflitos, que busca restabelecer a comunicação entre as partes, num processo de pacificação social pelo diálogo dirigido por especialistas”, completou.

Os números do Cejusc de 28 de março a 31 de julho:

116 reclamações efetuadas no Setor Pré Processual (68% de acordos)
206 processos recebidos do Fórum e do Juizado Especial Cível (30% de acordos)
381 atendimentos ao público com orientações diversas
130 encaminhamentos jurídicos (Defensoria Pública, Ministério Público, Fórum etc.)
Total: 833 procedimentos