Chegada da Romaria emociona população

Por em 8 de abril de 2018
Romeiros de Itupeva são recebidos com aplausos

O final de semana foi festivo em Itupeva, diante a realização da 63ª Edição da Romaria de Itupeva ao Santuário de Bom Jesus de Pirapora, evento que é 10 anos mais antiga que a própria cidade. O evento religioso teve início na noite de sexta-feira, dia 6, com a partida do grupo de pedestres, e foi coroado com a chegada, no coreto da Igreja Matriz de São Sebastião, no centro de Itupeva, onde estavam as autoridades municipais, entre elas o presidente da Romaria Walmir Falco, o prefeito e também romeiro, Marcão Marchi, a primeira-dama, Daniela Marchi, o vice-prefeito Alexandre Mustafa, o pároco de Itupeva, padre Marcos Adriano, vereadores e secretários municipais.

A romaria, que tem total apoio da Prefeitura Municipal, começou ainda na noite de sexta-feira, dia 6, com a partida do grupo de pedestres, que tem como diretor o romeiro pedestre mais antigo, o “Pernambuco”, que já conta com 53 anos de participação consecutiva na romaria. Com os estandartes de Bom Jesus e São Sebastião nas mãos, Pernambuco abriu oficialmente a romaria, sendo acompanhado por um grupo formado por dezenas de pessoas.

O grupo iniciou a longa caminhada até Pirapora por volta das 19 horas de sexta-feira, após benção na igreja Matriz de São Sebastião, que contou com a participação dos diretores da Associação dos Romeiros.

Ciclistas, Charreteiros e Cavaleiros partiram na manhã de sábado (7) e, como tradição, foram saudados por fogos de artifícios. O longo percurso foi concluído com êxito pelos romeiros, que ao chegarem à cidade de Pirapora receberam a benção na matriz de Bom Jesus de Pirapora. Posicionados frente à porta lateral alta, local em que são realizados os pronunciamentos oficiais da paróquia, no piso superior da igreja, os romeiros receberam a benção do pároco e depois se dispersaram para o merecido descanso.

Missa dos Romeiros

Às 5 horas da manhã de hoje (domingo), como tradição, aconteceu a celebração religiosa que justifica o ato de fé dos romeiros. A missa, que foi celebrada pelo padre Silvio Andrei, contou com a presença dos romeiros de Itupeva e, como tradição, lotaram a igreja e lembraram de seus fundadores e também de romeiros que partiram recentemente para o outro plano. A homenagem foi emocionante e fez com que lágrimas caíssem dos olhos de muitos.

O retorno para Itupeva, da mesma forma como a ida, foi tranqüilo, regado a muita distração, confraternização e alegria. Lado a lado, os amigos se juntaram e seguiram pelo estradão a fora, que contou com atenção especial da Polícia Militar, Guarda Municipal, da Divisão de Trânsito e do setor municipal de Ambulâncias e apoiadores da Prefeitura de Itupeva, que foram fundamentais para o resultado positivo de mais esta romaria.

As tradicionais paradas da ‘Bica’, do Cruzeiro e da entrada de Cabreuva foram obrigatórias e responsáveis por momentos de descanso, descontração e muito lazer.

Chegada em Itupeva

Por volta das 16h30 da tarde deste domingo, o público já começava a se acomodar na região da praça do coreto, onde banda Progresso Louveirense apresentou uma exímia execução musical. Os romeiros foram muito bem recepcionados pelo Romeiro e ex-presidente, Valdão Falco, e pelo locutor Osmar Cassemiro, que deram um brilho especial ao evento ao acompanhar toda a chegada com apropriada narrativa.

Em pronunciamento no coreto central, na chegada dos romeiros, o prefeito Marcão Marchi disse que se empenha ao máximo, como chefe do executivo municipal, para a preservação e manutenção da maior tradição de Itupeva. Ele também sugeriu ao atual presidente dos romeiros, Valmir Falco, que permaneça no cargo por mais um tempo, já que a associação vem sendo muito bem administrada.

A tradicional queima de fogos encerrou o evento, quando charreteiros, cavaleiros, ciclistas e pedestres seguiram para seus lares.