PM encontra feto humano no bairro Nova Era

Por em 3 de junho de 2018
Jornal de Itupeva

A Polícia Militar de Itupeva encontrou na noite deste domingo, dia 3 de junho, um feto humano de aproximadamente 5 meses.

O bebê foi encontrado já morto, dentro de uma sacola plástica na via Cyrineo Tonoli, no bairro Nova Era, em Itupeva. A informação chegou por meio de uma ligação anônima, feita para o Centro de Operações da PM. A pessoa, que não quis se identificar, afirmava que havia encontrado um bebê, ainda com cordão umbilical, dentro de uma sacola plástica. Logo após a ligação, o COPOM encaminhou para o local a equipe composta pelo cabo Júnior e pelos soldados Fernando, Feitosa e Fernandes, para averiguar a informação.

Ao chegarem ao local os militares constataram a veracidade da denúncia e encontraram o feto exatamente conforme o denunciante havia informado. A suspeita dos militares é que a própria mãe, que teria provocado o aborto, teria ligado para a polícia.

A polícia científica foi acionada e compareceu ao local para proceder exames periciais, sendo determinado o encaminhamento do cadáver para o Instituto Médico Legal de Jundiaí.  O perito criminal acredita que o feto tinha cerca de 5 meses.

A polícia civil de Itupeva também foi acionada para o registro de morte suspeita, devendo aguardar o posicionamento do IML para saber se foi um caso de aborto ou se o bebê chegou a nascer com vida.

O crime de aborto prevê pena de 1 a 4 anos de prisão, mas caso o bebê tenha nascido vivo, a mãe pode ser indiciada por homicídio, com pena que pode chegar a 30 anos de prisão. Outro crime que pode ser atribuído à mãe é a de ocultação de cadáver, caso seja entendido que a criança foi escondida.

PS: A foto do feto foi desfocada pelo Jornal de Itupeva, em respeito a você, amigo leitor.