PM de folga prende ladrões em Itupeva

Por em 11 de julho de 2018
PM de folga prende ladrão em Itupeva

O Policial Militar Bandeira transitava com seu veículo pela Avenida Luiza Pacheco Stella, proximidades do Parque da Cidade, em Itupeva, quando foi parado por um homem, que informava um crime em andamento.

O indivíduo relatou ao policial que uma mulher estava sendo roubada por dois indivíduos e, de imediato, o policial foi até o local informado e encontrou com a vítima, poucos minutos após o crime. Ainda nervosa com o que havia acontecido, ela relatou que realmente foi rendida por dois ladrões e que estes roubaram seu tablete e também seu celular, ambos da marca Samgung. Durante o roubo, os criminosos machucaram o pulso da vítima.

As características dos indivíduos foram passadas e também a direção tomada pelos elementos, que correram em direção ao Parque da Cidade, pela rua Emancipadores do Município.

O militar foi em direção aos elementos e os avistaram correndo já na Rua Jundiaí, onde foram abordados, detidos e identificados como sendo dois irmãos, um menor de idade.

Com eles foram encontrados o tablete da vítima, momento em que receberam voz de prisão e detenção em flagrante, sendo levados para a Delegacia de Polícia de Itupeva. O maior de idade foi identificado como sendo Wellington, que confessou que junto com seu irmão haviam acabado de praticar o roubo.

O militar solicitou apoio ao 4° Pelotão de Polícia Militar de Itupeva, tendo comparecido ao local o cabo Elvis e o soldado Alan. Também estiveram presentes e apoiaram a ocorrência os guardas municipais Leandro, Cassiano e Mônica, bem como demais viaturas da GCM e da PM.

Na Delegacia de Polícia de Itupeva, a autoridade policial ratificou a prisão em flagrante de Wellington e a apreensão de seu irmão, menor de idade, que apontou o local exato onde havia escondido o celular, sendo ambos os equipamentos recuperados e devolvidos à vítima.

A dupla de irmãos que muito cedo entrou junto no mundo do crime responderá junto pela prática delituosa. Eles foram colocados à disposição da Justiça. A vítima elogiou a rápida atuação do PM Bandeira.