Líderes islâmicos proíbem garotas de postar fotos no Facebook

Por em 12 de agosto de 2013
Divulgação

Para clérigos muçulmanos, mulheres não podem colocar suas imagens na rede social pois é uma violação à sharia (a lei islâmica)

Líderes religiosos islâmicos da Índia proibiram nesta segunda-feira (12) as jovens garotas de postar fotos nas redes sociais como Facebook, porque seria “um comportamento que viola a sharia (a lei islâmica)”.

Segundo o jornal The Times of India, que citou o clérigo xiita Saif Abbas, postar fotografias de pessoas nas redes socais “é contra a Sharia, em particular se quem faz isso é uma mulher”.

De acordo com Shaher Qazi, outro religioso islâmico, as fotos podem ser colocadas somente “se existem razões comerciais ou por uma boa causa”.

Ambos os religiosos lembraram que “segundo o Islã, as mulheres podem mostrar a cabeça somente para seus maridos, irmãos e pais” e que “os códigos de pudor são violados através o uso das redes sociais”.

O jornal, que cita as posições de dois imãs, líderes religiosos islâmicos, de Lucknow, no estado do Uttar Pradesh, segundo os quais o aspecto negativo do uso das redes sociais é que “no mundo virtual as relações são irreais e podem levar, em perspectiva, a dores indesejadas”.

R7