Governo da Holanda vai cobrar diárias de presos

Por em 30 de março de 2014
Ilustração

O Governo holandês sabiamente decidiu adotar a mesma política de países como Dinamarca e da Alemanha e impor a seus presidiários o pagamento de 16 euros (50 reais) por dia por ficarem atrás das grades.

O projeto de lei deriva dos acordos pactuados pela atual coalizão no poder, formada por liberais de direita e social-democratas, e busca duas coisas: obrigar o criminoso a assumir o custo de seus atos e poupar, concretamente, 65 milhões de euros (205 milhões de reais) em despesas judiciais e policiais.

Na Holanda existem 29 presídios, sendo que deste total, 8 foram fechados por falta de presos.

O Governo holandês diz que, o detento é parte integrante da sociedade, e se comete um delito tem obrigação de contribuir com os gastos inerentes.

Enquanto isso, aqui no Brasil, presídios são construídos todos os meses, o detento raramente trabalha e sua família ainda recebe do Governo Federal uma ajuda de custo superior ao salário mínimo, ou seja, 982 reais por dependente.