Itupeva na Luta Contra Violência à Crianças e Adolescentes

Por em 29 de maio de 2014
Jornal de Itupeva

Na última semana, diversos setores da Prefeitura de Itupeva intensificaram às ações no combate à violência contra crianças e adolescentes, em referência ao 18 de maio, Dia Nacional do Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes (lei Federal 9.970/00).

“Essa é uma luta que devemos encarar com toda seriedade e sem descanso. E a melhor maneira de fazer isso é começar pela prevenção, dando sempre toda a orientação possível, além de oferecer o suporte e cuidar, não só da criança e do adolescente, mas de toda a família”, aponta o prefeito Ricardo Bocalon.

Os dois Centros de Referência de Assistência Social – CRAS de Itupeva realizaram atividades referentes à data.

No dia 15, Maria José Rodrigues de Freitas e Rita Alexandre Freitas, do CRAS Central, realizaram uma palestra sobre Violência Contra Crianças e Adolescentes na EMEFEI Fazenda Quilombo. No mesmo dia, no CRAS Hortênsias, foi realizada “Vacinação Contra os Maus Tratos”, ato simbólico, realizado com um sachê de mel, buscando adocicar as pessoas para não praticarem a violência contra criança e o adolescente. A abordagem foi realizada pelos adolescentes do Projeto de musicoterapia, realizado na unidade.

18demaiocrascentral

18demaiocrashortensias_2

No dia 16, a Psicóloga Telma Marques participou de uma roda de conversa sobre o assunto, onde explicou os motivos do dia 18 ter sido escolhido como data símbolo do movimento. Ainda no dia 16, no Center Fênix, a secretaria Desenvolvimento Social também realizou a vacinação simbólica.

18demaiocrashortensias_3

18demaiocrashortensias_1

O Conselho Tutelar de Itupeva realizou Campanha de combate à pedofilia durante toda a semana, visando conscientizar a população sobre a importância da proteção às vítimas e, principalmente, da denúncia dos casos de abuso sexual das crianças e adolescentes. Como nos anos anteriores, as Conselheiras Tutelares se vestiram de preto e decoraram o Conselho Tutelar com balões pretos, para chamar a atenção da população para a tristeza das vítimas de abuso e de seus familiares. Em ação parceira com lojas da cidade, foram entregues panfletos informativos que traziam também informações sobre a campanha “Proteja Brasil”, que “convoca toda a população a entrar em campo” pela proteção das crianças durante a Copa do Mundo, além de divulgar o número do Disque Direitos Humanos – Disque 100.

18demaioconselhotutelar_1

No domingo, 18, o Conselho Tutelar esteve no Parque da Cidade também distribuindo panfletos de conscientização e contou com a participação da Rede de Jovens GP da Igreja Cristo Salva que, por meio do grupo Flash Mob, realizou uma linda apresentação de dança, além de abordar o público e chamar atenção para importância do combate ao abuso sexual.

18demaioconselhotutelar_2

O Conselho Tutelar alerta que “o abuso sexual de crianças é um crime muitas vezes silencioso, que deixa marcas para toda vida das vítimas. Infelizmente, a sociedade, por inúmeros motivos, ainda tem receio em denunciar. É preciso romper esse ‘Pacto de Silêncio’ “.

As denúncias podem ser feitas pelo Disque-100 (Canal de denúncia anônimo e gratuito da Secretaria Nacional de Direitos Humanos) ou no Conselho Tutelar, que fica na Av. Brasil, 561 – Jd Primavera.

Sobre o Dia 18 de Maio

A data faz referência ao “Crime Araceli”, ocorrido em 18 de maio de 1973, em Vitória (ES), em que Araceli Cabrera Sanches, de oito anos, foi sequestrada, drogada, espancada, estuprada e morta, tendo o corpo encontrado desfigurado por ácido seis dias depois do sequestro. Apesar da grande repercussão do caso na época, ninguém foi punido pelo crime.