Vacinação contra gripe é prorrogada por mais uma semana

Por em 30 de maio de 2014
Cartaz_Gripe_640x460mm.indd

A Campanha de Vacinação contra a Gripe foi prorrogada por mais uma semana em Itupeva, e segue até a próxima sexta-feira, 6, em todas as Unidades de Básicas de Saúde – UBS na cidade, devido à meta requerida pelo Ministério de Saúde, de 80%, ainda não ter sido atingida.

Segundo o Centro de Vigilância Epidemiológica de São Paulo, até o momento, foram vacinadas 6,7 milhões de pessoas (CV de 74,53%), e a meta é de 80%, faltando ainda cerca de 2,3 milhões de pessoas.

O secretário de saúde, Dr. Ricardo Vicente da Silva, reforça a importância da vacinação e avisa que, por enquanto sõ estão sendo vacinados os grupos prioritários: “É muito importante que quem faz parte de algum grupo prioritário e ainda não se vacinou vá a uma unidade de saúde. A vacina é a principal arma para evitar complicações em casos de gripe. Ela é segura e evita que a gripe possa se agravar ou, até mesmo, em casos mais graves, levar a óbito”, finaliza.

Até o dia 30 de maio, do grupo prioritário, haviam sido vacinadas em Itupeva 6.446 pessoas, de 8.338 previstos, o equivalente a 77,30%; sendo 2.565 de 3.359 crianças menores de 5 anos (76,36%); 406 de 602 gestantes (67,44%); 112 de 99 puérperas (109,80%), 2.885 de 3.716 idosos (77,63%); 478 de 562 profissionais de saúde (85,05%). A Vigilância ainda vacinou 1.489 de 2.758 pessoas com morbidade (71,35%).

O Dr. Ricardo ressalta ainda a urgência para os grupos que estão abaixo, como o de gestantes: “Alertamos mais uma vez que essas pessoas que ainda não se vacinaram devem se dirigir sem falta a uma unidade de saúde. Alguns grupos estão mais avançados, como o de puérperas, então nosso foco é intensificar os grupos que ainda estão abaixo da nossa meta”.

Esse ano, a faixa etária para crianças foi estendida, partindo de crianças de 6 meses à quatro anos. Os outros grupos que podem se vacinar são gestantes, puérperas com até 45 dias após o parto, trabalhadores da saúde, idosos maiores de 60 anos e pessoas com morbidades, com indicação médica.

A meta da Secretaria é vacinar mais de 11 mil pessoas na cidade, data de encerramento da campanha. A vacinação está sendo realizada em todas as Unidades Básicas de Saúde e no Ambulatório de Saúde da Mulher, das 8h às 16h; e no CSIII, das 8h às 18h.