Hospital Regional é entregue à população

Por em 11 de junho de 2014
Jornal de Itupeva

Nessa quarta-feira, 11, o prefeito de Itupeva e presidente do Aglomerado Urbano Jundiaí (AUJ), Ricardo Bocalon, esteve em Jundiaí, para entrega do Hospital Regional, em evento realizado com a presença do governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin; do deputado federal, Luiz Fernando Machado; do secretário de saúde do Estado de São Paulo, Dr. David Everson Uip; demais prefeitos e autoridades regionais. O Hospital, localizado na antiga Casa de Saúde Dr. Domingos Anastasio, naquela cidade, vai atender a toda a região.

Para Bocalon, a entrega do hospital deve ser celebrada como uma grande conquista do AUJ, já que vai atender à todas as cidades: “Como presidente do Aglomerado, desde o início, juntamente com os prefeitos das outras cidades, essa foi uma bandeira que levantei, já que é um serviço que vai beneficiar toda a região no atendimento médico de alta complexidade. Então esse é um dia muito importante, pois mostra que trabalhando unidos, temos mais força para conquistas”, apontou. “Estou certo que tão logo entre em atividade, o Hospital Regional será um divisor de águas, que vai melhorar muito no atendimento daqueles que mais precisam. A Saúde da região tem muito a ganhar com isso”, finalizou.

Durante o evento, foi assinado o contrato de gestão com o Instituto de Responsabilidade Social Sírio-Libanês, responsável pela gestão do Hospital.

“É uma grande alegria vir a Jundiaí inaugurar um hospital padrão Fifa”, afirmou o governador: “O Hospital será uma referência para os sete municípios do Aglomerado Urbano. É um contrato de gestão para atender 100% SUS, com 136 leitos, sendo 16 leitos de UTI e 120 de internação. Teremos aqui cirurgia geral, vascular, oftalmo, otorrino, ortopedia, urologia, cirurgia plástica, entre outras”, concluiu.

O secretário de Saúde do Estado, Dr. David Uip, apontou que a região “hoje tem um hospital de primeira”, destacando também a gestão reconhecida do Sírio-Libanês.

O deputado Luiz Fernando frisou a importância do AUJ e o sucesso do prefeito de Itupeva à frente do Aglomerado: “Tenho certeza de que estamos diante de um grande líder político de nossa região, o Ricardo Bocalon que, à frente do AUJ, tem se manifestado com muita clareza, buscando parcerias positivas com o governo do Estado e Federal”.

O Hospital Regional vai atender à demandas de alta complexidade e, embora fique localizado em Jundiaí, vai atender à várias cidades de região. Seu custo aproximado é de R$ 45 milhões, conta com uma estrutura de 10 mil m² de área construída e abrirá com 120 leitos. As enfermarias ficam na parte superior e têm 29 quartos por andar, sendo dois deles destinados a pacientes que necessitam de isolamento total. Na próxima semana, a Instituição do Sírio deverá iniciar a contratação da equipe, com estimativa de início do processo seletivo para a semana seguinte à inauguração, o que deve acontecer na sede do próprio hospital. Segundo Alckmin, o início do atendimento está marcado para 15 de julho.

Em parceria com o governo do estado, o instituto do Sírio-Libanês é também responsável pela gestão do AME (Ambulatório Médico de Especialidades) Dra. Maria Cristina Cury, do Hospital Geral do Grajaú e do Serviço de Reabilitação Lucy Montoro, em Mogi Mirim.