Motociclista morre em acidente em Itupeva

Por em 16 de setembro de 2014
Jornal de Itupeva

Um grave acidente ocorrido por volta das 19h40 da última segunda-feira , 15, vitimou fatalmente o professor e técnico em informática, Renato Augusto Lealdini, 21 anos morador da vila Comercial, em Jundiaí.

A vítima conduzia uma motocicleta CG 150 Fan, pela Rodovia Vice-prefeito Hermenegildo Tonoli, quando se envolveu em um acidente com uma van escolar e um caminhão, nas proximidades do Portal de entrada da cidade.

Homens do serviço de resgate do Corpo de Bombeiros de Itupeva foram até o local, mas a vítima já estava em óbito. O local do acidente foi preservado pelos soldado Silvio e pelo cabo Coelho, ambos do 2º Pelotão de Polícia Militar de Itupeva, até a chegada da perícia.

De acordo com boletim de ocorrência, registrado na Delegacia de Polícia de Itupeva, o Motorista do veículo escolar, envolvido no acidente, relatou que conduzia a van no sentido Jundiaí/Itupeva e teria sinalizado a entrada à direita, no sentido bairro da Chave. Antes de fazer a conversão ele teria parado o veículo, momento em que sentiu um forte impacto e viu o motociclista cair no chão.

Já o condutor do caminhão envolvido no acidente, relatou que seguia com o veículo e que iria adentrar à Rua Américo Simões,  também no sentido bairro da Chave, quando observou a van parada na pista da esquerda. “Ao passar pela van eu ouvi um estrondo entre ambos os veículos e o motoqueiro, desequilibrado, caiu no chão e rolou para o lado do caminhão, que passou por cima de seu corpo”, disse.

Renato Lealdini era aluno da Faculdade ESEF de Educação física e dava aulas em uma academia de Itupeva.  Noivo, ele pretendia se casar no próximo ano, porém, seu sonho terminou de maneira trágica, na noite de segunda-feira. A notícia de sua morte chocou seus familiares, amigos e conhecidos. Ele era um jovem humilde, uma pessoa muito boa”, disse inconformada em uma rede social a aluna de Renato, Alessandra B. Nakato.

O enterro do corpo de Renato acontece no final da tarde desta terça-feira, no cemitério Monte Negro, em Jundiaí, onde amigos e familiares prestam as últimas homenagem.