Raio atinge 8 e mata 4 em Praia Grande

Por em 29 de dezembro de 2014
Foto: Samu / Divulgação

Uma das vítimas fatais estava grávida de cinco meses

As chuvas no litoral de São Paulo fizeram 4 vítimas fatais na tarde desta segunda-feira. Oito pessoas foram atingidas por um raio por volta das 14h30 e quatro delas morreram na praia de Boqueirão, em Praia Grande, segundo informou o Corpo de Bombeiros.

Segundo o Tenente Prestes, do Corpo de Bombeiros de Praia Grande, foram enviadas ao local do incidente duas ambulâncias, uma equipe de resgate dos bombeiros e uma equipe do salvamento aquático após o chamado.

Uma das vítimas fatais estava grávida de cinco meses. Os outros atingidos pelo raio foram encaminhados para o pronto-socorro municipal, o Hospital Irmã Dulce.

No momento em que o raio atingiu os banhistas, havia algumas pessoas na praia, mas que estariam deixando o local por causa da tempestade.

O Corpo de Bombeiros lembra que, em caso de chuva, banhistas devem abandonar a praia pelo perigo de incidentes graves como o de hoje.

Vítimas

Kátia e Luciano morreram após a queda do raio no litoral

Segundo a Prefeitura de Praia Grande, as vítimas foram identificadas como: Zenildo Tadeu Vieira, coronel PM aposentado, 69 anos; e sua esposa, Andrea Boaretto, 41 anos; a sobrinha do casal Katia Boaretto, gestante de 5 meses e seu marido, Luciano D’alessandro.

Entre os feridos, há um homem em estado grave: trata-se de um vendedor ambulante da cidade. Outros três feridos — uma mãe e duas filhas, turista — estão fora de perigo, em avaliação buco-maxilo-facial, pois tiveram ferimentos no rosto.

Mais raios

O Elat (Grupo de Eletricidade Atmosférica), do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) prevê que haverá aumento na incidência de raios nas regiões Sul, Nordeste e Norte do país na temporada 2014-2015.

Já as regiões Sudeste e Centro-Oeste deverão receber raios em incidência levemente abaixo da média.