Falso pastor usa bíblia e assalta taxista

Por em 20 de fevereiro de 2015
Ilustração

Um homem moreno e de estatura alta se passou por pastor de igreja e, com bíblia debaixo dos braços e em posse de uma faca, assaltou um taxista de Itupeva na noite da última terça-feira, dia 17.

Já era noite quando o taxista, que preferiu não se identificar, foi abordado por um homem no estacionamento do hospital de Itupeva. Vestindo terno e com uma bíblia nas mãos, o acusado perguntou o valor de uma corrida até o bairro Nova Era e entrou no veículo.

Ele disse que sua esposa havia sofrido um acidente e que precisava ir até sua casa para buscar algumas coisas.

Durante o trajeto, o indivíduo usava palavras da bíblia e disse que havia acabado de ministrar uma palavra linda em uma igreja de Itupeva.

De acordo com o taxista, ainda durante o trajeto, o homem passou a vasculhar uma sacola, momento em que o taxista desconfiou e perguntou se ele havia perdido algo.

O falso pastor disse que procurava o celular e que poderia ter esquecido no hospital. Passados alguns minutos, o homem sacou uma faca e colocou no pescoço do taxista anunciando o assalto.

Ao perceber a aproximação de um veículo, o taxista reduziu a velocidade e entrou em um pesqueiro, localizado no bairro Nova Era. Nesse momento, o taxista agarrou a mão do assaltante e conseguiu parar o taxi, tendo arrastado o acusado para fora do carro, onde entraram em luta corporal.

Ao conseguir derrubar o assaltante, o taxista ainda teve tempo de retirar a chave do contato de seu carro e correr para o interior da propriedade, onde pediu ajuda. Assustados, os moradores do local negaram ajuda, por pensarem que ele seria um ladrão.

De posse de seu telefone celular, o taxista ligou para a polícia e permaneceu escondido em uma mata local. Em poucos minutos surgiram vários policiais, que encontraram o taxista e o socorreram até o hospital.

O falso pastor fugiu a pé, levando cerca de R$ 400 provenientes do dia de trabalho do taxista.

A polícia patrulhou o local e não localizou o ladrão. O taxista foi levado para o Hospital após passar mal devido ao grande susto. No hospital, ele descobriu que o falso pastor mentiu, já que nenhuma vítima de acidente havia dado entrada naquele dia.

Mesmo entrando em luta com o ladrão, o taxista não sofreu ferimentos. A ocorrência foi registrada pela PM do município.