Protesto pró-impeachment reúne 70 pessoas no Masp

Por em 28 de fevereiro de 2015
Imagens do MASP duas horas antes do protesto, não havia grande movimentação no museu paulista

A militância defende o impeachment da presidente reeleita, como uma ação que seria uma forma de tirar do poder “um monstro chamado Partido dos Trabalhadores”

O protesto a favor do impeachment da presidente Dilma Rousseff não chegou a 100 manifestantes em São Paulo.

e acordo com dados da Polícia Militar, apenas 70 pessoas participaram do ato no vão livre do MASP, região da Avenida Paulista.

A chuva que cai na Zona Sul de SP nesta tarde de sábado (28), pode ter espantado os manifestantes da página “Fora Dilma”, que possui 46 mil seguidores no Facebook.

A militância defende o impeachment da presidente reeleita, como uma ação que seria uma forma de tirar do poder “um monstro chamado Partido dos Trabalhadores” e garantir que outros supostos escândalos envolvendo Dilma e o partido venham à tona.

No entanto, a PM paulista aponta que outro movimento conseguiu levar mais participantes às ruas de São Paulo. O movimento “Aula Unificada Pública da Rede Emancipa” conseguiu atrair 250 pessoas para o MASP. Este movimento tende a unir estudantes de cursinhos pré-vestibulares oriundo de movimentos sociais.

As duas atividades estavam marcada para o mesmo horário, 14h.

Na página do Fora Dilma, apenas uma alusão duas horas antes do protesto é mostrada (foto acima). Além de uma postagem a favor dos movimentos dos caminhoneiros, que reclamam contra o aumento de combustíveis.

Portal Terra