Esgoto a céu aberto revolta moradores

Por em 20 de maio de 2016
Jornal de Itupeva

O fedor da água, que desce trazendo gordura e fezes a céu aberto, revolta moradores do Residencial Pacaembu II. 

= = = = = = = = = = = = = = = = = = = = =

Moradores do Residencial Pacaembu II, mais precisamente das ruas Sebastião Dionísio e Goitacás estão revoltados com o vazamento de água servida (esgoto), proveniente de casas localizadas a nível superior do bairro.

Segundo Luis Felipe, um dos moradores prejudicados, ele, a família e vizinhos próximos estão sofrendo muito com a situação, principalmente por conta da falta de escoamento da água.

“Por ser um cruzamento e não existir bueiros, toda água vinda das residências da parte superior do bairro passa aqui, no meio do cruzamento e para por não ter onde correr”. O problema maior é que, junto com essa água, vem fezes de animais e até esgoto o que torna o ar insuportável. Tem dias que não é possível até se alimentar dentro de casa, por conta do mal cheiro que vem da rua”, disse.

Além dos transtornos, o esgoto prejudica não só os moradores, mas também o meio ambiente.  Vale ressaltar que a residência que estiver fazendo o descarte à céu aberto pode e deve ser autuada pelos órgãos competentes, já que a cidade é provida de sistema de captação e tratamento de esgoto, por meio da Sabesp. O descarte na rua de esgoto doméstico, dejetos da pias, tanques, vasos sanitários, lavanderias e chuveiros é proibido por lei.

O reclamante afirma, ainda, que já encaminhou um e-mail para Prefeitura, relatando o problema enfrentado por ele e pelos vizinhos. Ele foi orientado pela reportagem a abrir uma reclamação junto à Vigilância Sanitária da Prefeitura Municipal de Itupeva, por meio do telefone 156, da Ouvidoria Municipal, o que será realizado na próxima semana.  Vamos acompanhar o caso.

Os moradores estão tendo que conviver com esgoto e até fezes.