Aparecimento de aranhas assusta moradores em Itupeva

Por em 15 de novembro de 2018
Aparecimento de aranhas assusta moradores em Itupeva

Animais estão invadindo as residências e colocando os moradores em risco, principalmente crianças. Prefeitura, Conselho Tutelar, Corpo de Bombeiros e Centro de Controle de Zoonoses já foram avisados do caso.

O aparecimento de aranhas entre o Portal de Santa Fé, Jardim Ana Luiza e Vila Independência, em Itupeva, tem assustado os moradores da cidade.  O local é cercado por uma extensa área de mata, de onde surgem os aracnídeos.

Os animais aparecem a todo momento, principalmente no final da tarde. Marília Rissato, moradora da rua José Stella, no Jardim Ana Luíza, fez fotos de alguns dos animais e encaminhou para o Jornal de Itupeva, nesta quarta-feira, dia 14 de novembro.

Ela disse que a indesejada visita acontece praticamente todos os dias e que as aranhas são grandes e que já informou o fato à Ouvidoria Municipal, pelo telefone 156, e também encaminhou email para o Conselho Tutelar de Itupeva, informando do perigo que as crianças da residência estão correndo, frente ao aparecimento dos aracnídeos.

“Além de informar a Prefeitura e o Conselho Tutelar, já fomos também no Corpo de Bombeiros e no CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) para buscar providências, porém, até o momento nada foi feito e estamos preocupados com esse fato”, disse Marília.

A equipe de reportagem foi até o local e ouviu outros moradores, que também se mostraram temerosos com o surgimento das aranhas. “Estamos implorando que alguém faça alguma coisa, porque a gente ‘reclama reclama’ e até agora nada. Em casa temos crianças, idoso e também animais de pequeno porte e temos medo que o pior possa acontecer com eles”, disse ajudante geral, Márcia Cristina dos Santos, que afirma estar preocupada sobre a possibilidade das aranhas serem venenosas e apresentarem perigo.

Pelas fotos não conseguimos identificar os aracnídeos, podendo ser Lycosa, que é um gênero do qual são catalogadas em torno de 235 espécies de aranhas pelo mundo. São conhecidas popularmente como aranha-de-grama ou aranha-lobo, muito mais reclusas e contam apenas com uma fraca toxina, inofensiva ao homem. Mas também podem ser uma espécie de aranha-armadeira, extremamente agressivas e venenosas.

Cuidado – Segundo a Organização Mundial de Saúde, uma vítima de picada de aranha-armadeira pode sentir dor local moderada ou severa, forte coceira, edema, inchaço, eritema (vermelhidão na pele), ardência e até cãibras. O veneno da aranha-armadeira atinge os sistemas cardíaco e nervoso da vítima.